Code alfa 1-0-1 | post #1

 

1907659_10152051335275806_3765254051406176757_n  “As folhas outonais eram musica para um inicio de dia, representam o crepitar do amanhecer, ao contrário da cinza acumulada do final do dia, que torna o retorno a casa anda mais escuro” 

 

A azafama do dia já ia bem avançada, retirei o relogio de bolso e os ponteiros indicavam 10:34, apertei o pequeno botão lateral e com leve movimento dei corda ao mecanismo.

Ajeitei o chapéu, o sobretudo e usando a bengala como compasso iniciei o percurso para o edificio da hARPA, carroças, animais, pessoas, era a confusão da cidade. Apesar de tudo era ainda um luxo possuir um veiculo motorizado da hARPA, e estava apenas permitido aos CEO’s da empresa.

 As ruas estavam cada vez mais sujas, a migração do interior para a orla costeira e para as cidades era uma realidade que se tornava obsessiva. Os mendigos acumulavam ao pé das docas, das construções, perto de onde pudesse haver vagas para um trabalho que fornecesse o dinheiro para a comida do dia.

 Tinha tornado como habito uma ida matinal até ao Café Central, pedir um café espresso e o jornal do dia, apenas porque me parecia algo que alguem normal faria. Os dias a passar e aos poucos juntei a este, até saboroso, hábito a companhia de um desses novos mendigos, perdidos no tempo, e nas oportunidades de vida. O seu nome era Cassio, vinha de Itália, ainda não sabia bem como mas, era um poeta, um filosofo, um artista por assim dizer, perguntei-lhe como é que ele vivia e ele respondia-me com um enfase poetico “Vivo da chuva, alimento-me com a felicidade dos outros, trabalho o corpo e mente todos os dias, mas acima de tudo não desisto.”

 Olhei o relógio, novamente, tinha-me tornado uma maquina temporal, metodica e coerente, o que não fazia nada o meu genero, 10:40. Cheguei ao Café Central, á mesma hora de sempre, Cassio estava sentado na mesa, o meu espresso acabava de chegar e o jornal estava dobrado na cadeira, tudo com uma precisão mecanica.

 Levantei o jornal, cumprimentei Cassio com um olhar, ele sabia o sentido da rotina da conversa e respeitava, abri as paginas centrais, folhei mais três folhas até á secção de Ciencia e Misticismo. Ainda não percebia como é que algo tão, ou não, distinto poderia estar compactado na mesma area do jornal. A noticia indicava estudos relacionados com o avanço da luta contra o cancro do pulmão, muito comum nas areas industriais. Posei o jornal, passei-o para Cassio, que sorriu.

 “Bom dia, Jon!”

 Beberiquei o café, estava a escaldar como gostava. Cassio abriu o jornal na primeira pagina, e enquanto terminava de beber de um trago o café, leu em voz alta os titulos das noticias. Tirei o cachimbo, o tabaco e a caixa de fosforos,ainda tinha a boca a ferver e o sabor intenso do café torrado, coloquei o lenço dobrado em triangulo em cima da mesa, olhei o relogio, 10:48. Apertei o cachimbo já cheio de tabaco e acendi um fosforo. Quando o cheiro a folha queimada chegou puxei uma longa aspiradela e ouvi o crepitar das folhas de tabaco moidas. Um empregado, bastante novo, alias, nem me lembrava de o ter visto noutras ocasiões, aproximou-se com um pequeno jarro de agua e um copo, serviu Cassio que agradeceu. Deixei o fumo passar pelas narinas. E como de costume questionei Cassio.

 “Se hoje fosse o dia, que dia seria para ti?”

 Olhei o relogio, 10:55. Cassio, baixou o jornal, nada intrigado com a pergunta.

 “Jon, se hoje fosse o dia, então seria tão identico como o hoje, mas…”

 O seu silencio, fazia parte da sua resposta, mas a curiosidade é sempre algo que não se consegue suprimir. Apesar da situação que Cassio criou para ele proprio, não deixava de ser um homem culto, experienciado, talvez nas coisas erradas á vista da sociedade.

“Mas… Mas o quê Cassio?” Abri a pequena bolsa e tirei algumas moedas, suficientes para pagar o café e o almoço de Cassio.

“Mas… se o conseguisse explicar, deixava de ser o dia”.

Sorri, eram 10:58.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s